"A cozinha é o mundo mais fascinante da casa, o mais coletivo. Um espaço que reúne sobrevivência, prazer, refinamento e civilização." (Nélida Piñon)

quinta-feira, 12 de abril de 2012

Costelinha de Porco à Paraguaia

Receita para final de semana!
Como em São Paulo é mais difícil encontrar leitão dessossado, o ingrediente principal do Porco à Paraguaia, o Cláudio (de novo! - o grande colaborador deste humilde blog) fez uma versão com costelinha suína dessossada.
Um prato para fazer bonito no churrasco, pois fica diferente e claro, muito, mas muito bom.

Uma costela de porco sem osso de aproximadamente 6kg 
Para temperar:
Suco de 5 limões
1 colher de sopa de erva-doce
sal ou tempero pronto o quanto baste
100 ml de vinagre balsamico 
alho (se usar apenas o sal) 
ou
o tempero de sua preferência......

Limpe a costela, misture com os ingredientes do tempero, coloque num saco plástico reforçado e deixe na geladeira por pelo menos 24 horas.

Coloque numa assadeira untada com óleo. Cubra com alumínio e leve ao forno por 1:30 hora. (Ou leve diretamente a churrasqueira e espere que asse bem, virando sempre).
Tire o alumínio, deixe dourar e retire.
Coloque delicadamente os ingredientes da cobertura e leve novamente à churrasqueira para derreter o queijo e aquecer os outros ingredientes.

Cobertura:
300gr de presunto picadinho
300gr de queijo picadinho
1 lata de milho verde cozida no vapor
1 vidro de palmito picado
200 gramas e azeitonas verdes sem caroço em fatias

Misture todos os ingredientes.
















6 comentários:

  1. Gente, esse Claudio é um sucesso!!!
    Quero dizer: essa costelinha ficou simplesmente divina!

    Congratulations!

    ResponderExcluir
  2. Un costillar de cerdo estupendo...... con todo por ahí que rico..... ummmmm delicioso!!

    ResponderExcluir
  3. menina...kkkk..quem tem um cunhado dêsse deve agradecer todo dia!!!que maravilha de carne!!!e..que crime para qualquer regime..mas..domingo:PODE SIM!!!imagens perfeitas amiga..bjo

    ResponderExcluir
  4. Tania,
    Que bom ver você postando regularmente e saber de receitas tão encantadoras e diferentes.
    Maravilhosas estas costelas. A cobertura deu uma graça imensa a elas. Parabéns para o Claudio!
    Beijinhos, Laura Lucia

    ResponderExcluir
  5. Saudades, muitas mesmo....ainda acredito que poderemos mata-las, rsrsrs
    E dá até raiva de vir aqui, ahahahaha, ainda mais que agora aqui, é hora do almoço, rsrrsrs
    Parabéns tb pela sua dedicação a família e amigos!!!!
    Bjos

    ResponderExcluir
  6. Minha nossa, mas eu tenho perdido coisas boas demais por aqui!
    Que costela mais rica e saborosa, meu marido - como diz o outro - 'pira' com uma costelinha assim!
    A erva doce que entra aí é a semente? Pergunto porque os embutidos de porco que considero mais saborosos são os que são aromatizados com as sementes, rsrs.

    ResponderExcluir